Project Server 2010 + Team Foundation Server 2010


Finalmente consegui preparar minhas máquinas virtuais com as versões beta dos principais produtos para gerenciamento de projetos quer serão lançados neste ano.

O ambiente final consiste de uma única VM com:

  • Windows Server 2008 R2
  • Active Directory
  • Internet Information Services
  • Exchange Server 2010
  • SQL Server 2008 R2 November 2009 CTP
  • SharePoint Server 2010
  • Project Server 2010
  • Visual Studio Team Foundation Server 2010
  • Office 2010 Professional
  • Project 2010 Professional
  • SharePoint Designer 2010
  • Visio 2010 Professional
  • Visual Studio 2010 Ultimate Edition

Tecnologias de Virtualização

Utilizei o meu notebook para chegar nesta VM, tendo avaliado várias alternativas de virtualização:

  • Windows Virtual PC – Descartado por não suportar VMs x64
  • VirtualBox – Produto muito eficiente e parece mais estável em sua última versão, de dezembro de 2009, mas mesmo assim ainda tive problemas do produto parar. Deixei de lado por mais um tempo
  • VMWare Workstation 7 – Foi o produto escolhido para virtualizar VMs usando o Windows 7 como host. Oferece boa performance, mas um pouco inferior ao VirtualBox e Hyper-V, bastante confiável e com muitas facilidades de uso. Inconvenientes: é pago e é necessário tomar cuidado com a quantidade de memória usada, se as VMs usarem uma quantidade muito grande, o consumo de CPU fica em 100% o tempo todo
  • Hyper-V 2008 R2 – O melhor produto para virtualização entre os testados, muito rápido e estável. Inconveniente, só existe com o Windows Server e desabilita o uso de hibernação em notebooks

Tenho um dual boot no note, e montei VMs funcionais tanto no Hyper-V quanto no VMWare, mas por se tratar de um tablet pc, acabo utilizando mais o Windows 7 com VMWare.

A configuração de hardware necessária não é nada simples, um PC com pelo menos 8GB, já que para rodar tudo isso considere uma VM com pelo menos 5GB, talvez 4 sem o Exchange.

Recomendo também o uso de mais de um HD. Se for um HD externo, vale investir em uma interface eSata.

Dicas para o Setup

Observações Interessantes

  • O TFS 2010 não foi otimizado para o SharePoint 2010, e ainda trás o WSS3.0 como versão default no seu setup rápido. Ele utiliza o SharePoint 2010 em modo de “compatibilidade”.
  • Com as versões beta correntes, ainda não é possível usar o mesmo projeto no Project Professional 2010 conectado ao TFS e ao Project Server, mas é um cenário previsto e será suportado até a versão final dos produtos.
  • Ainda não há uma integração via servidores entre o Project Server e o TFS. Esta integração deve ser lançada após o RTM, talvez no mesmo modelo do Project Server 2007 VSTS Connector.
  • O Project Server 2010 passa a se integrar diretamente com o Exchange Server, por isso a presença dele no meu ambiente.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: